Escola de Língua Espanhola abriu em Lisboa

Etiquetas: , ,
___________________________________________________________________________________

A Escola de Língua Espanhola da Universidade de Salamanca (USAL) abriu em Lisboa e apresentou no dia 2 de Março no ISCTE o seu plano de Cursos, donde se destacam os cursos de espanhol para estrangeiros, com particular enfoque no espanhol para negócios.

María de los Ángeles Serrano García, vice-reitora da Universidade de Salamanca, explicou o sistema inovador de franchising que representa esta Escola. “A Universidade de Salamanca é pioneira neste tipo de ensino, que têm a chancela e a fiscalização da Universidade e significa uma alteração completa no sistema de ensino de línguas para estrangeiros. Esta é já a terceira escola fora de Espanha, existem mais duas, uma em Estrasburgo (França) e outra em Cuiabá (Brasil), mas não vamos parar”, referiu.

José Pessoa, director da Escola de Língua Espanhola (ELE) de Lisboa, reforçou que a escolha de Lisboa surgiu naturalmente pela “proximidade geográfica e cultural e pela sua forte relação com a América Latina”. Mais de cerca de 540 milhões de pessoas no mundo falam espanhol, falar espanhol torna-nos mais competitivos e “embora os portugueses tenham facilidade em expressar-se em “portunhol” no mundo dos negócios não pode haver equívocos e há que expressar-se bem, para bem da empresa que representam”, comentou José Pessoa.

A Universidade de Salamanca colabora com o Instituto Cervantes para obter o DELE (Diploma de Espanhol como Língua Estrangeira), um título que poderá obter-se nesta Escola, tal como o certificado multilingue BULATS.

A ELE de Lisboa, já conta com mais de 70 alunos inscritos e iniciou conversações com a Casa da América Latina para futuras colaborações.