Exposição (Co)habitar

headercohabitar

até janeiro de 2017
Casa das Galeotas (Avenida da Índia 110, 1300-300, Lisboa)

A Casa da América Latina e a UCCLA – União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa inauguraram, no dia 30 de setembro, a exposição de arte contemporânea “(Co)Habitar”, na sua nova sede na Avenida da Índia, que se manterá patente neste espaço até janeiro de 2017.

“(Co)Habitar” reúne um conjunto de obras das artistas Lia Chaia e Andrea Brandão que exploram o espaço habitável em diferentes vertentes. Se, por um lado, as artistas foram convidadas, através do seu trabalho, a conviver temporariamente num mesmo espaço expositivo, por outro, as suas trajetórias de criação levaram-nas a cruzar e a habitar lugares reais ou imaginários que, com a sua carga histórica, cultural e política, alimentam de diferentes formas as suas práticas.

Assim, além de pensar a partilha do espaço por parte das duas instituições, nesta nova sede, a exposição propõe uma reflexão sobre a cidade como espaço heterogéneo, constituído por múltiplas camadas em constante conflito, mas também adaptação, articulação e encontro.

Em diálogo com o núcleo expositivo principal, que inclui um conjunto de obras, algumas site specific, criadas especialmente para este evento, serão apresentados vídeos de Daniel Barroca, Eurídice Kala, Cinthia Marcelle, e Carolina Saquel e performances de Joana Bastos, Lia Chaia e Eurídice Kala.

Com curadoria de Filomena Serra, Giulia Lamoni e Margarida Brito Alves, esta iniciativa, que coincide com a inauguração da nova sede da Casa da América Latina e a UCCLA – União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, Casa das Galeotas, que foi um armazém dos bergantins e galeotas reais no século XVIII, conta com um programa alargado de visitas guiadas, performances e conferências.

A programação paralela à exposição teve início no sábado, 1 de outubro, com a organização de uma visita guiada pelas curadoras, uma performance da artista Lia Chaia e uma conferência com o curador peruano Emílio Tazarona. Este programa repete-se no dia 29 de outubro, com uma performance de Joana Bastos e a conferência “América? Oh, Américas!” do programador cultural António Pinto Ribeiro.

A exposição poderá ser visitada no seguinte horário: de segunda a sexta feira, das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 18h30.

BOTAOPROG

BOTAOBIO

Para saber como chegar à nova sede da CAL e da UCCLA, deixamos abaixo algumas indicações:

Autocarros (Rua da Junqueira): 714, 727, 728, 729, 751
Elétrico (Rua da Junqueira): 15E, 18E
Comboio: Belém
Pontos de referência: Museu Nacional dos Coches, Museu da Eletricidade e Cordoaria Nacional
Coordenadas GPS: 38°41’46.9″N 9°11’52.4″W