CAL mostra imagens de exposição sobre a cegueira no México

Etiquetas: , ,
___________________________________________________________________________________

A Casa da América Latina e a Embaixada do México inauguraram, no passado dia 2, na Fundação Champalimaud , a exposição de fotografia Habitar a Escuridão, de Marco António Cruz, um exemplo da complementaridade exemplar entre cultura e a ciência. Neste ensaio sobre a cegueira, temos a oportunidade de conhecer o trabalho de um dos maiores fotógrafos documentais mexicanos, cuja sensibilidade social foi determinante na escolha do seu objecto, a dimensão social e humana de uma doença.

Por outro lado, é da maior importância a apresentação desta exposição no espaço da Fundação Champalimaud, prova do seu compromisso com a qualidade de vida das pessoas afectadas pela cegueira, bem como do seu investimento em investigação científica, sendo de destacar a existência do Prémio António Champalimaud de Visão, destinado às realizações científicas excepcionais no campo das doenças e distúrbios da visão, muito especialmente nos países em desenvolvimento.

A exposição termina a 23 de maio. Na área de multimédia do site da Casa da América Latina estão disponíveis fotografias da exposição.