Seminário na CAL debateu o impacto da revolução digital nos países da Europa e América Latina

“Temos de fechar a brecha no acesso às tecnologias digitais que existe em muitos países da América Latina, com base na responsabilização das economias e sociedades. Só assim podemos conseguir os melhores resultados nesta transição. A estratégia tem de ser regional, e não apenas nacional”, afirmou a secretária-geral da SEGIB, Rebeca Grynspan, na abertura do seminário “União Europeia – América Latina: Desafios da Transformação Digital e do Conhecimento no Espaço Ibero-americano”, realizado a 20 de março na Casa da América Latina.

Um olhar sobre o futuro da ibero-América e da SEGIB

Rebeca Grynspan, Secretária-geral da SEGIB, foi a oradora convidada na conferência “25 anos de Cimeiras Iberoamericanas – Um olhar sobre o futuro”, realizada no dia 26 de junho na Casa da América Latina, em celebração da primeira cimeira de Guadalajara, no México (1991).

Secretária-geral Ibero-americana em conferência na CAL

Rebeca Grynspan, Secretária-geral da SEGIB, é a oradora convidada na conferência “25 anos de Cimeiras Iberoamericanas – Um olhar sobre o futuro”, a realizar no dia 26 de junho, pelas 15h, na Casa da América Latina.

IBE TV, o primeiro canal de televisão ibero-americano

O IBE TV, o primeiro canal de televisão ibero-americano, já começou a emitir. Aquele que era um dos objectivos chave da Cimeira Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo de 2014, foi apresentado no passado dia 12 de Dezembro, em Cartagena das Índias.

Programa IberJovem apresentado em Lisboa

O Programa Ibero-americano para a Juventude – informalmente conhecido como IberJovem – foi apresentado esta quarta-feira, dia 15 de Julho, numa cerimónia presidida por Cavaco Silva e Rebeca Grynspan (secretária geral ibero-americana) que decorreu no Palácio de Belém.

Aliança Ibérica para a mobilidade académica

Aliança para a Mobilidade é um protocolo assinado em Maio entre a Secretaria Geral Iberoamericana e o Banco Santander e que vai agilizar a mobilidade académica entre países Ibéricos e a América Latina.
Pela primeira vez na história será possível a circulação de um número significativo de estudantes entre as universidades ibéricas e latino-americanas.