Vila Galé Hotéis: 25 anos em Portugal, 12 anos no Brasil

[Texto de Gonçalo Rebelo de Almeida, Administrador da Vila Galé Hotéis]

A sociedade que gere os hotéis Vila Galé foi constituída em 30 de Maio de 1986 para construir o primeiro hotel do grupo, na Praia da Galé no Algarve, e veio a abrir as suas portas ao público em Maio de 1988.

A expansão do grupo foi sendo feita em Portugal de forma sustentada, construindo hotéis de raiz (Vila Galé Praia 1991, Vila Galé Náutico 1995, Vila Galé Clube de Campo 2001, Vila Galé Ópera e Tavira 2002, Vila Galé Santa Cruz 2006, Vila Galé Lagos 2009, Vila Galé Coimbra 2010), recuperando e convertendo edifícios (Vila Galé Marina 1995, Vila Galé Porto 1999, Vila Galé Albacora 2000, Vila Galé Ericeira 2002, Vila Galé Colection Palácio dos Arcos 2013), ou adquirindo hotéis existentes (Vila Galé Cerro Alagoa 1993, Vila Galé Cascais 1996, Vila Galé Estoril 1997, Vila Galé Ampalius 1998).

Em 2001, a expansão para o Brasil foi a opção natural e a escolha incidiu sobre a aquisição de um edifício abandonado em Fortaleza para reconversão em hotel. A opção pelo Brasil justificou-se pelo elevado potencial turístico do destino Brasil, com uma oferta alargada de sol e mar, gastronomia e cultura, pela carência de hotéis e pelo número exponencial de consumidores internos brasileiros com capacidade para viajar.

Outra das razões que levou à internacionalização foi a necessidade de diversificar a oferta do grupo e o facto de que nessa data o grupo já estava implantado nas principais zonas turísticas de Portugal. A expansão no Brasil, que foi sucedendo em simultâneo com a expansão em Portugal, deu-se através da aquisição de hotéis (Vila Galé Salvador 2003), da construção de novos resorts (Vila Galé Marés 2006, Vila Galé Cumbuco 2010) e da assunção da gestão de hotéis propriedade de terceiros (Vila Galé Angra dos Reis e Cabo 2009).

Hoje em dia, a Vila Galé é responsável pela gestão de 24 hotéis, dos quais seis no Brasil, com um total de 6.000 quartos e 12.000 camas, e assume-se como um dos principais grupos hoteleiros portugueses. Tem a maior rede de resorts no Brasil, com uma equipa de 2.500 colaboradores e um volume de vendas anual de 120 milhões de euros (2012).

O grupo tem merecido destaque pela excelente relação preço-qualidade dos seus produtos, pela simpatia e profissionalismo dos seus colaboradores e pela inovação em diversas áreas.

No capitulo da inovação, podemos destacar: o desenvolvimento interno de software de gestão hoteleira; a primeira cadeia hoteleira a lançar aplicações para smartphones e tablets em Portugal; o lançamento do conceito de hotéis temáticos ligados às artes e cultura (Vila Galé Porto Cinema, Vila Galé Ópera música, Vila Galé Lagos moda, Vila Galé Coimbra Dança, Vila Galé Collection Poesia); a criação de marcas próprias na área do bem-estar (Spas Satsanga) e restauração (restaurantes Inevitável); investimentos no sector agropecuário com a produção dos vinhos premiados Santa Vitória e mais recentemente na área frutícola (Santa Vitória Frutas).

O grupo mantém hoje o dinamismo e proactividade, que sempre o caracterizou, e pretende continuar o seu plano de expansão de forma sustentada alargando a sua presença a outros países.