CaixaBI: “Parceria com a CCCC pode ser um ‘game changer’ para a Mota-Engil”

Etiquetas:
___________________________________________________________________________________

Os analistas da Caixa BI consideram que a parceria estratégica assinada entre o Grupo Mota-Engil e a China Communications Construction Company (CCCC) pode ser um “game changer” para a acção dessa empresa, associado da Casa da América Latina, pelo que, na nota de análise assinada pelo analista Artur Amaro, recomendam “comprar” acções da empresa, atribuindo-lhe um preço-alvo de dois euros por acção e uma avaliação que traduz um potencial de valorização acima de 45%.

No relatório designado “Golden Visa – o início de uma nova era”, a que o CONSTRUIR teve acesso, a CaixaBI sublinha que a recém-formalizada parceria com o gigante chinês pode abrir novos mercados à companhia portuguesa, assim como facilitar o financiamento, e como tal provocar uma total viragem na construtura.
No documento, o CaixaBI lembra que as empresas têm estado a trabalhar juntas ao longo dos últimos dois anos, com resultados interessantes para o negócio da Mota-Engil. E aponta, a título de exemplo, os projetos ganhos em Tren Maya, no México, e em Talasa, na Colômbia.

Acreditamos que esta aliança deverá continuar a trazer receitas adicionais e EBITDA para a empresa, nomeadamente na América Latina, permitindo uma importante desalavancagem do balanço”, sublinha o analista Artur Amaro.

Fonte: Construir