Programa cultural para o mês de março

Etiquetas: , , , , ,
___________________________________________________________________________________

Como todos os que se encontram condicionados pela pandemia da COVID-19, a Casa da América Latina continua a reinventar a forma como divulga a cultura dos países da América Latina, orientando-se nesta nova fase para conteúdos acessíveis online, ou conteúdos presenciais que assegurem todas as condições de segurança.

Poderá aceder a vários tipos de manifestações artísticas e culturais da América Latina, para apreciar e descobrir a diversidade e riqueza da sua música, cinema, artes cénicas, literatura, imagens, sons e artes visuais, todo o património que a define e projeta para o mundo.

Aproveite os museus e galerias, espetáculos e participe no debate de ideias.

Partilhe com a sua família e amigos a experiência da cultura latino-americana.


6 a 12 de março

CINEMA

Retina Latina

www.retinalatina.org chega ao seu quinto aniversário tecendo histórias e tecendo comunidade em torno da cinematografia latino-americana como um fio condutor. Entre 4 de março e 1 de abril de 2021, oferecerá aos usuários da América Latina e do Caribe uma rica programação de 30 filmes da região, alguns dos quais estarão à disposição do mundo inteiro. Gerará também, por meio de transmissões ao vivo, seis espaços virtuais de diálogo entre mecanismos de cooperação e organizações e agentes do setor audiovisual ibero-americano e francês.

MÚSICA

Festival Internacional de Piano do Algarve

7 de março

A 5ª edição do Festival Internacional de Piano do Algarve começa no próximo dia 7 de Março e, até 29 de Maio, haverá oito concertos, todos transmitidos online, gravados no Grande Auditório do TEMPO – Teatro Municipal de Portimão.

O pianista português Filipe Pinto-Ribeiro e a pianista peruana Rosa Maria Barrantes darão o arranque ao Festival (7 de Março) com “Volta ao mundo a quatro mãos”, um recital onde revisitarão Astor Piazzola, Samuel Barber, Francis Poulenc e Igor Stravinsky.

Os concertos são gravados sem público, cumprindo todas as normas de segurança, e as transmissões ocorrem sempre às 21h00, com acesso gratuito, nas páginas de Facebook do Teatro e do Município.

TEATRO

Festival Internacional de Buenos Aires

Esta coleção reúne a programação especial do Festival Internacional de Buenos Aires, disponível no Teatroamil.tv de 1 a 7 de março de 2021. Aproveite.

LITERATURA

Revista Philos

A Philos é uma casa editorial que transforma as afinidades literárias e artísticas em instrumentos de cooperação entre os povos latinos. A Revista Philos ISSN 2527-113X publica estudos literários em línguas latinas e inglês, que reflete acerca das questões da latinidade, etnografia, estudos afro-atlânticos e ibero-americanos, centralidades periféricas, feminismos plurais, ações e práticas educativas, arte e literatura de povos originários, manifestações culturais e tradições orais comunitárias, arte poética e estudos contemporâneos.

Com colaboradores, curadores, críticos e artistas em todos os países de línguas neolatinas, Estados Unidos, Alemanha e países nórdicos, a revista das latinidades é um coletivo editorial que promove diálogo, integração, solidariedade e coesão social entre as pessoas.

ARTE

Rodrigo Hernández (México)

Exposição online
Até 31 março 

Rodrigo Hernández (Cidade do México, 1982) é um artista mexicano a residir em Lisboa.

Enquanto a Galeria Madragoa está fechada por conta do confinamento, podemos visitar a exposição What is it that has etched itself into you?


13 a 19 de março

CINEMA

CINÉLATINO, RENCONTRES DE TOULOUSE

19 a 28 março

Este ano, o festival destaca o tema “Humor”, e vai homenagear Alfredo Castro, grande ator chileno, abordar a obra de Sarah Maldoror, realizadora das Antilhas; Fernando Solanas, realizador argentino; Enrique Colina, realizador cubano; e Paul Leduc, realizador mexicano com mais de 150 filmes, inúmeras discussões com os diretores, exposições, shows …
A 33ª edição do Cinélatino pretende “dar um panorama das obras recentes na América Latina”, mas também servir de “trampolim” para jovens realizadores, afirmou o presidente da associação organizadora ARCALT, Francis Saint-Dizier.

Uma seleção de mais de cem obras poderá ser vista através da plataforma online.cinelatino.fr, “a mais importante dos filmes latino-americanos da França”, na qual o espectador poderá escolher entre vários índices de visualização, bem como consultar a programação e conhecer as novidades do festival.

Encontre o programa completo em março de 2021!

MÚSICA

Duo Siqueira Lima: “Violões sem fronteiras”

O Duo Siqueira Lima, formado pela violonista uruguaia Cecilia Siqueira e pelo também violonista brasileiro Fernando de Lima e reconhecido pelo seu virtuosismo técnico, perfeito entrosamento e por originais e inovadores arranjos para dois violões, apresenta nos próximos dois meses o projeto “Violões sem fronteiras”. Serão seis programas, sempre aos sábados às 20 horas, com um repertório amplo e variado.

Cada um dos programas traz um título: Barroco; Aquarela do Brasil; Música espanhola; Brasil; Coleção Duo Siqueira Lima; e Sur. Alguns dos concertos terão a participação de convidados como a cantora Verônica Ferriani (dia 13 de março), o pianista André Mehmari (dia 27 de março) e o clarinetista Daniel Cornejo (dia 10 de abril).

Os programas serão transmitidos aos sábados, às 20h, de 6 de março a 10 de abril, pelo canal do YouTube.

TEATRO

Teatro #EmCasaComSesc

Quartas, sextas e domingos, às 21h, o público tem encontro marcado com grandes nomes do teatro brasileiro. Transmitidos da casa de atores e atrizes ou diretamente de unidades do Sesc, sem público e seguindo todos os protocolos de segurança, espetáculos clássicos e contemporâneos são especialmente adaptados para a experiência digital.

Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas em “Borghi em Revista – Origens” no palco do Sesc Ipiranga

A trajetória do teatro brasileiro e os principais movimentos políticos e sociais dos anos 1940 até os dias de hoje são revisitados pela ótica do ator, diretor, produtor e dramaturgo Renato Borghi. Com roteiro e colaboração do ator e diretor Elcio Nogueira Seixas, a peça “Borghi em Revista – Origens” marca os 62 anos de palco do artista.

Fotografias e vídeos raros costuram o enredo, que percorre temas como a obra de Nelson Rodrigues (1912-1980) e as trajetórias do Teatro de Revista, do Teatro Brasileiro de Comédia (TBC), do Teatro de Arena e do Teatro Oficina. A montagem vai além de uma autobiografia ao propor um mergulho na memória do teatro e do Brasil para oferecer às novas gerações uma “árvore genealógica cultural”.

LITERATURA

Clube de Leitura “Ler a América Latina

13 de março, online

O Memorial da América Latina reiniciará o Clube de Leitura Ler a América Latina. Neste ano, o tema será “Mulheres contam” e a edição terá uma novidade: a participação das autoras. A cada encontro, as escritoras falarão sobre os seus trabalhos e, na sequência, haverá uma roda de conversa virtual. O primeiro evento deste ano acontece no próximo dia 13 de março, às 14h, com a escritora boliviana Giovanna Rivero.

Com objetivo de fomentar a leitura e a discussão sobre literatura latino-americana, o clube terá quatro encontros neste primeiro semestre, sempre aos sábados, com curadoria do CBEAL e das editoras convidadas, por meio da plataforma Zoom, das 10h às 11h30, com exceção da primeira conversa, que acontecerá às 14h. Todos os contos selecionados para o projeto estarão disponíveis para download.

ARTE

Fundação Jumex Arte Contemporânea

A Fundação Jumex Arte Contemporânea, na Cidade do México, foi criada com o objetivo de promover a produção, a discussão e o conhecimento sobre a arte contemporânea e gerar formas inovadoras de promoção da arte e da cultura. Esta tarefa é realizada através da Coleção Jumex, patrimônio artístico da Fundação, e do Museu Jumex, espaço de exposição e ativação da arte contemporânea.

A Fundação Jumex promove a sua missão por meio de dois programas complementares: Promoção, voltada para o apoio à produção de arte contemporânea e projetos independentes; e Educação, empenhada em aumentar a capacidade dos visitantes de compreender e apreciar a arte contemporânea.

Explore o conteúdo que o Museo Jumex gerou desde a sua inauguração. Poderá encontrar entrevistas, conferências, mesas redondas e histórias, bem como publicações para download das exposições.


20 a 26 de março

CINEMA

Santos Film Fest

O Santos Film Fest – Festival Internacional de Cinema de Santos, realiza-se  entre 16 e 23 de março.

Apresenta 75 obras audiovisuais, entre curtas e longas, nacionais e estrangeiros, dirigidos ou produzidos por mulheres, que serão exibidos na programação gratuita.

A realizadora Adelia Sampaio será a homenageada da edição, que terá ainda vinte atividades formativas entre palestras, workshops, masterclasses e conversas com profissionais como a produtora Paulo Barreto, as atrizes Ondina Clais, Tuna Dwek, os cineastas Camila Kater, Sergio Rezende e Júlia Rezende, a professora Laura Cánepa, a atriz e cantora Paula Pretta, a distribuidora norte-americana Debra Zimmerman, entre outros.

MÚSICA

Rolando Villazon: “The Stars of Tomorrow”

Rolando Villazon retorna ao Arte Concert para apresentar uma nova temporada de “The Stars of Tomorrow”.

Nesta temporada, o programa entra em digressão, parando primeiro em Munique para continuar a procura dos jovens intérpretes mais promissores da cena clássica. A série estreia para o público europeu com transmissão em março, ficando disponível para visualização até 4 de junho.

Rolando Villazón é um tenor mexicano naturalizado francês, celebrado como um dos maiores tenores líricos da atualidade e chamado de “O Herdeiro de Plácido Domingo”.

É reconhecido internacionalmente como um dos principais tenores líricos de nossa era e de ter sido aclamando pelas suas grandes apresentações nos teatros de maior prestígio em todo o mundo.

TEATRO

Dança #EmCasaComSesc

O corpo na sua expressão mais viva. Às terças e quintas, às 21h, uma apresentação é transmitida da casa dos bailarinos e coreógrafos ou de uma unidade do Sesc, sem a presença do público e seguindo todos os protocolos de segurança. A programação tem como foco abranger o maior número de vertentes e movimentos da dança, em suas expressões, diversidades e poéticas de corpos, dentro das muitas áreas de pesquisa, como a clássica, urbana, contemporânea, performática e experimental.

GRUA – Gentlemen de Rua em “Corpos de Passagem” no palco do Sesc Avenida Paulista

Os verbos “passar” e “comunicar” e os substantivos “lugar” e “corpo” operam como as chaves mestras para o trabalho “Corpos de Passagem”, apresentado pelo GRUA – Gentlemen de Rua no Dança.

LITERATURA

Edith Chacon e Priscilla Ballarin apresentam NA CASA DELES

20 MAR | SÁB | 11H

BAOBÁ livraria convida:
Edith Chacon e Priscilla Ballarin apresentam NA CASA DELES

Conheçam esta homenagem aos escritores e às narrativas inesquecíveis que fazem parte de tantas histórias de vida! Um livro que nasce só porque outros tantos livros já nos habitam.

Este é um agradecimento à poesia, às histórias e àqueles que nos fazem sonhar com cada virar de página. O nosso encontro é no ciberespaço da casa do livro ilustrado!

Acontece no facebook e instagram
para todos | entrada livre

ARTE

MAM – Rio de Janeiro

O Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro é voltado às vanguardas e à experimentação nas artes, cinema e cultura. Fundado em 1948, possui uma das mais importantes coleções de arte moderna e contemporânea da América Latina, com cerca de 15 mil obras de arte. O museu realizou inúmeras exposições que marcam até hoje as expressões e linguagens das artes visuais e abrigou múltiplos movimentos artísticos brasileiros. Mantém ainda uma Cinemateca com sala de exibição, grande acervo de audiovisuais em todos os formatos e o maior arquivo de documentação de cinema do país.


27 de março a 2 de abril

CINEMA

Ya no estoy aquí

2019 | 1 h 52 min

Ya No Estoy Aqui: o novo filme da Netflix que está a comover o México.
A Netflix acaba de lançar aquele que tem vindo a ser considerado um dos melhores lançamentos do streaming do ano: Ya No Estoy Aqui (Não Estou Mais Aqui). O filme é todo ambientado em Monterrey e Nova York, é uma carta de amor à cultura Cholombiana (amantes da cumbia; ritmo musical originário da Colômbia). 

O filme mexicano fala sobre um adolescente que é forçado a emigrar para os Estados Unidos e que carrega nas costas a dor de ser arrancado do seu lugar.

Depois de um terrível mal-entendido com um gangue, o jovem Ulises tem de sair do país e deixar o ambiente da música cumbia que tanto adora para poder sobreviver.

Com: Juan Daniel García, Angelina Chen, Jonathan Espinoza.

MÚSICA

João Oliveira e Kabé Pinheiro: “Coisas do Interior”

Projeto de música regional une tradição e modernidade em temporada online visando novos públicos

O projeto dos músicos João Oliveira e Kabé Pinheiro promete uma grande fusão de ritmos brasileiros como samba, maracatu, jongo e ijexá, com ritmos de outros lugares do mundo, como a música gnawa (Marrocos), a rumba, o flamenco e o jazz, demonstrando a potência da nova geração da música regional!

A partir de março de 2021, os músicos João Oliveira e Kabé Pinheiro iniciam o projeto “Coisas do Interior” com os três primeiros shows inéditos da temporada, que serão transmitidos gratuitamente pela plataforma Youtube (https://cutt.ly/ikYFO7O) e com participações especiais de Renato Teixeira, Chico Teixeira e Conrado Goys.

“Queremos convidar o público para conhecer um repertório autoral mas também saborear releituras de canções que norteiam a memória do povo brasileiro. Um encontro virtual para exaltar a potência e a riqueza da música brasileira e suas influências”, comentam João e Kabé.

Combinando ritmos, sons e emoções, o projeto propõe um mergulho profundo na música popular, na arte e na história da cultura do Brasil, homenageando as tradições culturais do país, à música instrumental contemporânea e as diversas influências musicais do mundo na música brasileira.

TEATRO

Le Grand Continental – Festival Teatro a Mil

Um registro do processo de criação de Le Grand Continental, espetáculo do coreógrafo canadense Sylvain Émard, que reuniu 150 bailarinos amadores para uma grande festa ao ar livre em Santiago do Chile.

ARTE

Museo Nacional de la Muerte – México

Morte na História do México.
Um passeio pela coleção do Museo Nacional de la Muerte

Desde a Era Pré-Hispânica, passando pelo período hispânico até ao México independente, um modelo dedicado às artes gráfica, até ao período contemporâneo, veja aqui a exposição online.