Pilar Quintana vence Prémio Alfaguara 2021

Etiquetas: , ,
___________________________________________________________________________________

A escritora colombiana Pilar Quintana é a vencedora do Prémio Alfaguara 2021, um dos mais importantes prémios de Língua Espanhola, com o romance “Los Abismos“. O júri, formado por Irene Vallejo, Cristina Fuentes La Roche, Ana Merino, Xavi Ayén, Xavier Vidal e Pilar Reyes, e presidido pelo escritor Héctor Abad Faciolince, descreveu a obra como uma “poderosa história contada a partir de uma aparente ingenuidade que contrasta com a atmosfera infeliz que rodeia a protagonista”.

Pilar Quintana (Cali, 1972) publicou o seu primeiro livro, “Cosquillas en la lengua“em 2003. Em 2007 integrou a lista do Hay Festival dos 39 escritores com menos de 39 anos mais destacados da América Latina. Em 2010, seu romance “Coleccionistas de polvos raros” recebeu o prémio La Mar de Letras, concedido pelo festival La Mar de Músicas em Cartagena, Espanha, e em 2018 o seu romance “La perra” recebeu o IV Prémio Biblioteca de Narrativa Colombiana.

O Prémio Alfaguara de romance em língua espanhola foi criado em 1965, estando a sua atribuição suspensa entre 1973 e 1997. Desde então, já foram galardoados autores colombianos como Laura Restrepo (“Delírio“, 2004), Juan Gabriel Vasquez (“El ruído de las cosas al caer“, 2011) e Jorge Franco (“El mundo de afuera“, 2014). A esta edição concorreram 2.428 manuscritos, um número recorde de acordo com a organização

Los Abismos” de Pilar Quintana será editado simultaneamente em Espanha, na América Latina e nos Estados Unidos em março deste ano. 


Texto de Pedro Rapoula