Orquesta de Instrumentos Reciclados de Cateura

Etiquetas: , ,
___________________________________________________________________________________

A Orquesta de Instrumentos Reciclados de Cateura é um grupo musical formado por jovens e crianças que vivem na comunidade instalada à volta do aterro Cateura, principal e maior aterro sanitário de Assunção, capital do Paraguai, assim como por jovens de outras comunidades próximas, interessadas em viver a experiência de formar esta Orquestra.

A característica distintiva do grupo é a interpretação de obras musicais com instrumentos reciclados, feitos com resíduos sólidos domésticos, na lutheria (local onde se constroem ou reformam instrumentos) que o grupo possui em Cateura, onde recicladores, assessorados por Favio Chávez, técnico ambiental que atua na área desde 2006, começaram a usar restos de “lixo” para fazer instrumentos que emitem sons musicais. Os instrumentos tocados pelos integrantes desta orquestra imitam violinos, violas, violoncelos, contrabaixos, guitarras, flautas, saxofones, trompetes, trombones e instrumentos de percussão, mas construídos com lixo. No seu repertório executam música clássica, folk, paraguaia, latino-americana, música dos Beatles, Frank Sinatra, entre outros.

https://www.youtube.com/watch?v=L1KPLj6adj8

A história da Orquestra ganhou repercussão no final de 2012 e chamou a atenção de pessoas em todas as partes do mundo, incluindo figuras renomadas da música e da cultura. Desde então o grupo recebeu convites para visitar e se apresentar em países como: Colômbia, Brasil, Chile, Argentina, Equador, Peru, Panamá, Estados Unidos, Canadá, Noruega, Alemanha, França, Holanda, Bélgica, Espanha, Suíça, Palestina e Japão.

Com este princípio, a Orquestra procura formar, através da música, crianças e jovens que vivem na comunidade Cateura em condições de vulnerabilidade e exclusão social, criando oportunidades para os seus membros, para que tenham opções que lhes permitam projetar o seu futuro no sentido de melhores condições de vida, e  que lhes permitam construir um futuro melhor.