Exportações portuguesas de bens já estão acima de 2019 (excluindo os combustíveis)

Etiquetas: ,
___________________________________________________________________________________

Em setembro, as exportações de bens ficaram quase ao nível do mesmo mês de 2019, com um recuo de 0,4%. Contudo, excluindo combustíveis e lubrificantes, verificou-se um aumento em termos homólogos pela primeira vez desde o início da pandemia. Importações ainda caem, indicam os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), publicados esta segunda-feira.

Em termos homólogos, isto é, em relação ao mesmo mês de 2019, as exportações ainda caem, mas de forma muito ligeira, apenas 0,4%, o que compara com um recuo de 1,9% em agosto.

Mais ainda, excluindo os combustíveis e lubrificantes, as exportações já registam uma variação homóloga positiva, de 0,2%. É o primeiro aumento face a 2019 desde o início da pandemia de covid-19.

Notícia completa: Expresso