Seminário: As Indústrias de Defesa no contexto da América Latina

Etiquetas: , , , ,
___________________________________________________________________________________

26 março
14h30
Casa da América Latina
Inscrições AQUI
Programa

A idD – Plataforma das indústrias de Defesa Nacionais, em colaboração com a Casa da América Latina, promovem a realização do Seminário: As Indústrias de Defesa no contexto da América Latina, que decorrerá no próximo dia 26 de março, com início pelas 14h30, no Auditório da CAL, em Lisboa.

A promoção deste Seminário pretende incentivar as relações no âmbito da Economia de Defesa entre as entidades nacionais que integram a Base Tecnológica e Industrial de Defesa (BTID) e a região da América Latina através das representações diplomáticas dos países acreditados em Portugal, nomeadamente, Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai. Esta ação tem por intuito promover a rede de contatos e esclarecimento de dúvidas, numa relação de benefício mútuo entre os participantes, estando previsto um espaço para reuniões com as representações diplomáticas presentes.

A América Latina engloba 20 países com mais de 600 milhões de habitantes, representando para Portugal um espaço privilegiado e prioritário nas relações transatlânticas e ibero-americanas, tendo vindo a apoiar no palco Europeu o estabelecimento e o reforço de relações com vários Estados e grupos de países desta região, designadamente no domínio estratégico da Defesa.

Criada em 2014 e integrada no Ministério da Defesa, foi atribuída à idD- Plataforma das Indústrias de Defesa a responsabilidade pela implementação de uma estratégia nacional para promoção externa da BTID – Base Tecnológica e Industrial de defesa, por forma a desenvolver as capacidades nacionais nesta área, assumindo Portugal como produtor e exportador de tecnologia e serviços no âmbito da Economia de Defesa.

Pretende-se com esta ação contribuir para as condições de aumento das exportações das empresas Portuguesas que atuam no mercado da Economia de Defesa, bem como contribuir para o estabelecimento de parcerias estratégicas com vista ao apoio dos seus processos de internacionalização.