Banco dos irmãos Campana na CAL

Etiquetas: , ,
___________________________________________________________________________________

A Casa da América Latina tem em exposição um banco dos irmãos Campana. Um gentil empréstimo da Embaixada do Brasil que permite ao público conhecer uma arrojada peça que esteve na Exposição Universal | Expo 2015, Milão, no Pavilhão do Brasil.

Considerados os maiores embaixadores do Design brasileiro contemporâneo, os irmãos Campana destacam-se pela transgressão do sentido funcional de cada peça que criam e pela preocupação ecológica. Plástico, papelão, metais, fibras de algodão, borracha e detritos mais variados são matérias frequentes nos seus objetos.

Das suas obras mais emblemáticas salientam-se a Mesa Insuflável, a Poltrona Vermelha ou a Cadeira Favela. Peças que mostram a transformação do comum em extraordinário e como a funcionalidade de um objeto pode ganhar dimensão artística, rompendo a fronteira entre arte e design.
Fernando e Humberto Campana foram descobertos em 1989 com a exposição Desconfortáveis. No entanto, só em 1997, o nome dos irmãos Campana alcança projeção internacional com a produção da peça Luminária Estela pela Oluce, uma importante marca italiana de design ligada à iluminação. Em 1998, o MoMa, Museu de Arte Contemporânea de Nova Iorque, dedica-lhes uma mostra, o Projects 66, que expõe 14 peças suas. A partir desse momento, o nome dos irmãos Campana consolida-se, definitivamente, como representantes da vanguarda do design.