Curso de Verão sobre realismo mágico português

Etiquetas: , , , , , , , , , ,
___________________________________________________________________________________

7 a 18 de Julho de 2014
18h30 – 21h30
FCSH-UNL, em Lisboa

A Casa da América Latina apoia o Curso de Verão sobre Realismo mágico português que terá lugar, entre 7 e 18 de Julho, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

As aulas – nos dias 7, 8, 9, 10, 11, 15 e 18 de Julho – serão leccionadas por Isabel Araújo Branco, docente de Literaturas Hispano-Americanas e Práticas de Tradução de Espanhol para Português na FCSH-UNL. O curso será leccionado em português, terá a duração de 21 horas e funciona simultaneamente em regime livre e como acção de formação para professores do ensino básico e secundário de Português e de Espanhol.

Os objectivos do curso são os de estudar e compreender o conceito de realismo mágico, distinguindo-o de categorias como o fantástico, o maravilhoso, o estranho e o real maravilhoso; estudar as origens históricas e culturais do realismo mágico literário em território português; estudar as relações literárias de Portugal e da América Hispânica nas últimas décadas do século XX e no século XXI; e interpretar textos literários portugueses contemporâneos integrados no realismo mágico.

O realismo mágico é uma categoria geralmente associada às literaturas hispano-americanas. Contudo, existe realismo mágico em todo o mundo, inclusive na literatura portuguesa contemporânea, embora não seja comum associar escritores nacionais a essa designação.

Neste curso pretende-se abordar o realismo mágico português, nomeadamente em obras de José Saramago, Hélia Correia, Lídia Jorge, Mário de Carvalho, João de Melo, Valter Hugo Mãe, José Riço Direitinho e David Machado. Ao longo da formação será ainda estudado o conceito de realismo mágico, as origens do realismo mágico português e as relações literárias de Portugal e da América Hispânica.

O curso faz parte da Escola de Verão da FCSH-Nova e das actividades do Núcleo de Estudos Ibéricos e Ibero-Americanos (FCSH-UNL) e da Casa da América Latina.