Curso Diplomacia na América Latina 2014

Etiquetas: ,
___________________________________________________________________________________

22 de Janeiro a 12 de Março de 2014
Segundas e quartas-feiras das 18h30 às 20h30
Inscrições até 16 de Janeiro de 2014

O Observatório Político, em parceria com a Casa da América Latina, dá início em Janeiro de 2014 à segunda edição do curso de Diplomacia na América Latina. Neste curso pretende-se aprofundar conhecimentos acerca da diplomacia na região, abrangendo questões securitárias, económicas e culturais. O Observatório Político mantém assim o seu compromisso em dar formação avançada e contínua de qualidade aos participantes, contando com a cooperação de especialistas na área.

O curso tem como destinatários todos os interessados por temáticas relacionadas com a diplomacia e as organizações internacionais, nomeadamente estudantes universitários, assessores, profissionais das áreas de economia, comunicação social, história e línguas. Numa época em que a América Latina é uma região cujos mercados de trabalho oferecem oportunidades, este curso proporciona um conhecimento especializado para os interessados em prosseguir uma carreira profissional nesses mercados emergentes. É também um curso destinado aos que pretendem ganhar competências nos domínios da negociação em circuitos diplomáticos, que pretendam compreender as dinâmicas de trabalho em fóruns internacionais intergovernamentais ou não-governamentais.

O curso está organizado em sessões teóricas e práticas onde a apresentação de conteúdos pelos formadores, e conforme a bibliografia indicada, é precedida pela discussão dos mesmos com os formandos. As sessões contam com a participação de académicos da área dos Estudos Políticos, bem como com a participação de agentes com experiência de trabalho na área.

Programa

Duração: 30 horas
Coordenação Científica – Cristina Montalvão Sarmento
Co-coordenação Executiva – Marta Ceia

1. Sessão de abertura: A Diplomacia Contemporânea
2. As Redes de poder político
3. A integração económica
4. As relações com a China, EUA e Rússia
5. Os desafios futuros: a segurança e o ambiente
6. Debate – Representação diplomática
7. Visões políticas e partilhadas
8. Dinâmicas económicas e comerciais
9. Debate – Representação Diplomática II
10. História Diplomática Portuguesa: de importância do “novo mundo” ao novo espaço de alianças
11. Desafios económicos futuros: um espaço estratégico?
12. Ligações culturais
13. Debate – Representação Diplomática III
14. Discussões dirigidas
15. Sessão de encerramento: o futuro da América Latina: espaço unido de projecção global ou rede de potências regionais? (na Casa da América Latina)

Docentes

Armando Marques Guedes: Professor Associado com Agregação da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, desde 2005, Professor convidado do curso de Defesa Nacional do IDN e Professor convidado do Instituto de Estudos Superiores Militares.

Cristina Montalvão Sarmento: Doutora em Ciência Política na especialidade de Teoria Política (2004) pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Professora Auxiliar na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Professora Auxiliar, em regime de mobilidade, no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade Técnica de Lisboa; Professora Convidada do Instituto Superior de Ciências Policiais e Segurança Interna; Directora e Investigadora Doutorada do Observatório Político.

Cristina Valério: Licenciada em Turismo pelo Instituto das Novas Profissões; Licenciada em História da Arte pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa; Adjunta do Secretário de Estado da Protecção Civil do Ministério da Administração Interna entre Outubro de 2009 e Junho de 2011; Assessora de Imprensa do Ministro da Administração Interna entre Dezembro de 2010 e Junho de 2011. Ocupou diferentes cargos nas áreas das Relações Internacionais na Câmara Municipal de Lisboa e Governo Civil de Lisboa desde 1994. É coordenadora de Programação Económica e Empresarial da Casa da América Latina.

Elizabeth Accioly: Doutora em Direito Internacional pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, com a apresentação da tese intitulada O Sistema de Solução de Controvérsias consoante a previsão do artigo 44 do Protocolo de Ouro Preto. Diplomada em Estudos Europeus pelo Instituto Europeu da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, com a apresentação do trabalho de dissertação intitulado A influência da União Europeia no Mercosul. Desempenhou funções de docência da disciplina Mercosul e União Europeia na Faculdade de Direito de Curitiba. Foi Professora Assistente da disciplina de Direito Internacional Público e Temas Jurídicos da Integração, no Curso de Pós-Graduação da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Paraná.

Jorge Argüello:, Embaixador da Argentina em Portugal desde 2013; Embaixador da Argentina nos EUA (2011-2013); Embaixador da Argentina junto das Nações Unidas (2007-2011); Mestre em Administração Pública pela Universidad de San Andrés; Licenciado em Direito
pela Universidad de Buenos Aires.

José Francisco Pavia: Professor auxiliar da Universidade Lusíada de Lisboa; Doutor em Ciência Política e Relações Internacionais (Universidade do Minho, 2007); Mestre em Gestão de Cooperação e Desenvolvimento Internacional (Universidade Moderna de Lisboa 1998);
Investigador-coordenador do Centro de Estudos sobre a População, Economia e Sociedade (CEPESE) da Universidade do Porto; Auditor de Defesa Nacional (IDN); Director da Revista Lusíada de Política Internacional Segurança.

Laura Garzón: Licenciada em Ciências Políticas, pela Utah State University (USU), EUA; Mestrado em Relações Internacionais e Certificado Especial em Administração Pública pela USU;  Mestrado em Economia Agrícola pela Kansas State University (KSU), EUA; Investigadora
Assistente da Faculdade de Ciências Políticas da USU entre 1985 e 1987; Consultora e Tradutora do Food and Feed Grains Institute da KSU, verão de 1989, a Agosto de 1993, respectivamente;  Investigadora para o Kansas Department of Transportation do Estado de Kansas enquanto
estudante da Faculdade de Economia da KSU, entre 1991 e 1992; de Novembro de 1994 ao presente tem sido responsável por diferentes funções na área económica na Embaixada do México em Portugal, sendo na actualidade responsável pelos Assuntos Comerciais e de
Investimento.

Luís António Fretes Carreras: Embaixador do Paraguai em Portugal desde 2009; Mestre em Acção Política e Participação Cívica, Ciências Políticas e Governo pela Universidad Francisco de Vitoria; Mestre em Ciência Política pela Universidad Nacional de Asunción (UNA); Licenciado em Direito pela Universidad Nacional de Asunción; Director do Centro de Políticas Públicas na Universidad Católica “Nuestra Señora de la Asunción” (2005-2009); Director do Departamento de Ciências Sociais na Universidad Católica “Nuestra Señora de la Asunción”
(2004-2009); Professor de Direito e Ciência Política na Universidad Católica “Nuestra Señora de la Asunción” (1993-2009).

Luís Eduardo Saraiva: Doutor em Relações Internacionais, com a tese “O Desenvolvimento de África e a Segurança da Europa – O caso da Guiné-Bissau”; Investigador associado no Instituto de Defesa Nacional; Professor Convidado na Universidade Lusíada de Lisboa; Auditor do Curso de Defesa Nacional de 2012-2013; Graduado do Executive Program in Advanced Security Studies, College of International and Security
Studies do George C. Marshall European Center for Security Studies; foi Conselheiro Militar na Representação Permanente de Portugal junto da União Europeia, em Bruxelas, de 2005 a 2008.

Manuel Filipe Canaveira: Doutor em História das Ideias Políticas pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Professor Associado com Agregação em Ciência Política e Relações Internacionais (História das Relações Internacionais) na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Presidente da Comissão Pedagógica do Departamento de Estudos Políticos da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Investigador Doutorado do Observatório Político.

Maria Xavier: Coordena a programação cultural e científica na Casa da América Latina em Lisboa desde 2007; Frequentou o Doutoramento em Sociologia no ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa; é Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação pelo ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa, com a tese subordinada ao tema Redescobrindo o Brasil. Processos Identitários de Brasileiros em Portugal, publicada pelo ACIDI em 2007; é Licenciada em Sociologia e Política pela Pontifica Universidade Católica do Rio de Janeiro; conta com passagens pela Embaixada do Brasil em Lisboa, pela Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP) e pela Fundação Luso-Brasileira; como investigadora no CIES-IUL (2004-2009), dedicou-se ao estudo das migrações entre Portugal e a América Latina.

Marta Ceia: Mestre em Ciências da Comunicação na vertente de Comunicação Estratégica pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Minor em Guerra da Informação/Competitive Intelligence na Academia Militar de Lisboa; Licenciada em Ciência Política e Relações Internacionais pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Foi colaboradora na área da Política Multilateral do Ministério dos Negócios Estrangeiros; Membro do Conselho Pedagógico do Departamento de Estudos Políticos da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa; Investigadora Associada do Observatório Político.

Paulo Neves: Mestre em Gestão de Comportamento Organizacional e Licenciado em Psicologia; Jornalista, Professor Universitário e Conferencista. Fundador e Presidente do Instituto para a Promoção e Desenvolvimento da América Latina (IPDAL).

Pedro Pessoa e Costa: Ministro Plenipotenciário do Ministério dos Negócios Estrangeiros; é Licenciado em Direito (menção jurídico-económicas) pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa; Pós-Graduação em Estudos Europeus pela Universidade Católica Portuguesa; Ingressa na Carreira Diplomática do Ministério dos Negócios Estrangeiros em 1988, tendo sido adido nos Serviços da África Subsariana e posteriormente na Direcção Geral dos Assuntos Comunitários na Direcção de Serviços da Formação e Investigação; Assessor diplomático da Secretária dos Assuntos Europeus de 2000 a 2002 com o pelouro da América Latina; actualmente é Vogal do Conselho de Administração da AICEP.

Raquel Patrício: Doutorada em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília onde exerceu actividades de docência; Professora Auxiliar no Instituto Superior de Ciências Políticas e Sociais da Universidade de Lisboa; membro do Conselho Editorial da Revista Sem Correntes, da Associação Portuguesa de Cultura Afro-Brasileira.

Sandra Vasconcelos Lameiras: Mestrado em Tecnologias do Ambiente pela Universidade do Minho, Licenciada em Engenharia Química pela Faculdade de Engenharia do Porto; Vereadora na Câmara Municipal da Maia 2005/2008; Chefe de Gabinete no Governo Civil do Porto 2008/2009, Membro do Conselho de Administração na Sociedade de Transportes Colectivos do Porto (S.T.C.P) de 2009/2012. Exerceu ainda diversas outras funções no sector público e privado, sendo de momento Directora Internacional de Vendas na empresa OPT – Optimização e Planeamento de Transportes.

Avaliação

Considera-se concluído com aproveitamento sempre que se verifique a frequência de 75% das sessões, juntamente com a avaliação realizada em aula, reflectindo a assiduidade, a participação e o interesse demonstrado pelo aluno na discussão dos temas programáticos. A estes alunos será atribuído um diploma de frequência no Curso de Formação Avançada em Diplomacia na América Latina – 2ª Edição.

Propinas

15 Sessões (total de 30 horas)
Taxa de matrícula – €12,50
Total do curso (propina) – €250
Emissão de Certificado – €8
Emissão de Certificado e Diploma – €21,50

Os membros associados do Observatório Político beneficiam de um desconto de 25% no valor da propina, excluindo o pagamento da taxa de matrícula e emissão de diploma.

Para inscrever-se no curso, deverá preencher o formulário de inscrição. Pode fazê-lo: directamente online, procedendo ao preenchimento dos seus dados neste link; pessoalmente, junto do secretariado do Observatório Político, em Lisboa.

Modalidades de Pagamento: Poderá proceder ao pagamento por inteiro da taxa de inscrição e do curso ou optar pelo pagamento faseado: taxa de inscrição (€12,50) mais 50€ referentes à propina até ao dia 20 de Janeiro de 2014; 100€ referentes à propina até ao dia 19 de Fevereiro de 2014; restantes 100€ referentes à propina até ao dia 10 de Março de 2014. Ambas as modalidades poderão ser feitas através de transferência bancária, cheque ou numerário.

A inscrição só será efectiva depois de efectuado o pagamento da taxa de inscrição e da primeira prestação da propina no valor de €50. A inscrição só será válida após confirmação, pelos serviços, da entrada das importâncias devidas.

Note, por favor, que as inscrições poderão encerrar em data anterior às indicadas, a partir do momento em que o curso atinja o seu número limite de vagas (sempre que indicado).